Home >> Notícias >> Em defesa da saúde pública e do emprego dos trabalhadores brasileiros

Em defesa da saúde pública e do emprego dos trabalhadores brasileiros

Nota da Contac-CUT sobre a operação Carne Fraca (2)Por maior fiscalização nos frigoríficos e em toda cadeia alimentar

A espetacularização da notícia, com a divulgação de que os frigoríficos brasileiros distribuem “carne podre”, “estragada”, “com papel” a “ácido cancerígeno”, de Norte a Sul do país, pode transformar a Operação Carne Fraca em uma conta a ser paga pelos trabalhadores.

Mais do que favoráveis à fiscalização sanitária sobre a qualidade dos alimentos, temos defendido uma maior presença do Estado – com a participação de representantes dos trabalhadores nas inspeções – e que seja assegurado que sejam produzidos em relações de trabalho saudáveis e seguras.

Não podemos permitir que a generalização irresponsável sobre atos criminosos e mal feitos contra a saúde pública – que em nada contribuem para a resolução de problemas localizados – afete a vida de mais de um milhão de trabalhadores, agora sob o risco de ficarem desempregados.

Também é importante alertar para os interesses estrangeiros por trás da quebradeira das empresas nacionais, já que o Brasil é o campeão mundial de exportação de carne bovina e o segundo produtor de carne de frango.

Comprometida com a saúde do povo brasileiro, bem como com o salário, o emprego e os direitos, a Confederação Nacional Democrática dos Trabalhadores nas Indústrias de Alimentação da CUT (Contac-CUT) propõe maior transparência ao processo, bem como uma exemplar punição aos culpados.

Siderlei de Oliveira,

Presidente da Contac-CUT

2 thoughts on “Em defesa da saúde pública e do emprego dos trabalhadores brasileiros

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top